Conectando Remotamente: Usuários Mac ou Linux

Se você usa um computador Apple ou um computador com um sistema operacional Linux, a conexão aos servidores é muito fácil. Tudo que você precisa é abrir o programa Terminal, que o Mac OS X e o Linux tem por padrão. No Mac OS X, você pode encontra-lo na pasta Utilities dentro de Aplications ou simplesmente digitando Terminal na barra de busca do Spotlight. A partir do terminal, você pode usar ssh e scp para se conectar e transferir arquivos. Os mesmos comandos também funcionam no Linux. Por exemplo, se <login> for o seu nome de usuário criado para utilização em um dos servidores e <endereço ip> for o endereço ip do servidor em que você possui uma conta, batsa digitar:

ssh <login>@<endereço ip>

para se conectar via SSH. Se o seu nome de usuário em seu computador e no servidor coincidirem, você pode excluir <login>@ do comando anterior. Se você quiser usar as interfaces gráficas dos programas (GUI), use ssh -Y em vez de ssh.

Recomendamos o donwload do programa FileZilla. FileZilla é um software livre que permite a transferência de arquivos entre o seu computador e o servidor.

Chave RSA:


Se você trabalha frequentemente nos servidores, digitar sua senha a cada vez que você fizer o login pode ser evitado com a ajuda de uma chave RSA. A idéia é gerar dois arquivos-chave, uma chave privada para o seu computador e uma chave pública para o servidor. Esses arquivos são então comparados automaticamente quando você utiliza o SSH. Além disso, as chaves SSH fornecem uma maneira mais segura de fazer o login em um servidor do que usar uma senha a cada login. No terminal digite:

ssh-keygen

Aparecerá uma tela onde você deve determinar uma pasta onde os arquivos-chave devem ser criados. A pasta padrão é /Users/<username>/.ssh/id_rsa, onde <username> é o seu nome de usuário em seu computador.

Em seguida, você será direcionado a criar uma nova senha. Esta nova senha não é nem a sua senha para o seu computador, nem a sua senha para o servidor. Ela deve conter de 10 a 30 caracteres. O sistema irá criar as suas chaves RSA. A sua chave pública será salva em /Users/<username>/.ssh/id_rsa.pub.

Faça o login no servidor via ssh e crie o diretório .ssh dentro da sua pasta home:

mkdir .ssh

Copie a sua chave RSA pública para a pasta criada e renomeie o arquivo para authorized_keys. Para copiar o arquivo e renomea-lo de uma só vez faça o logout do servidor digitando "logout" e digite:

scp /Users/<username>/.ssh/id_rsa.pub <login>@<endereço ip>:.ssh/authorized_keys

Faça novamente o login no servidor via ssh e modifique as permissões do arquivo da chave pública para "read/write by owner only" através do seguinte comando:

chmod 600 /home/<login>/.ssh/authorized_keys

A primeira vez que você realizar o login no servidor após estas mudanças, você deverá digitar a nova senha criada para as chaves RSA. Os logins subsequentes serão automáticos. Os passos acima serão os mesmos para o sistema operacional Linux, apenas com algumas alterações nos diretórios em seu computador.